Feng Shui

By Rafael • • 11 dez 2012

O Feng Shui estuda a relação do homem com seu ambiente, baseado na observação das estrelas, o relevo das montanhas, a forma dos rios, ruas e construção e a disposição dos móveis. Como no Oriente as pessoas se consideram parte do Universo em que vivem, este estudo tem como objetivo auxiliar o ser humano a integrar-se com o meio ambiente criando um fluxo energético harmônico e auspicioso.

O Feng Shui teve sua origem em antigos mestres taoístas que estudavam a natureza e compreenderam como a energia em volta deles se comportava, e como poderia afetar uma residência. Constataram que o ambiente era influenciado por duas forças fundamentais: vento e água.

Apesar da circulação de vento dentro de uma residência ser natural, poderá ser propícia ou não. Quando uma pessoa permanece muito tempo numa circulação prejudicial, começa a sentir pequenos efeitos no aspecto emocional (irritação, inquietude, ansiedade, etc), na mente (incapacidade de absorver conhecimentos e falta de atenção) e no corpo físico (torcicolo, dor lombar, resfriados, etc). O vento pode então influenciar o equilíbrio de uma pessoa.

Assim, o consultor de Feng Shui percebe como o vento circula dentro da residência e evita colocar camas ou mesas em ambientes que podem causar um desequilíbrio na harmonia dos moradores.

O vento pode ainda ativar o efeito de estrelas que permanecem na residência. Essas estrelas são encontradas através da Luo Pan, uma bússola utilizada no diagnóstico do Feng Shui. Com ela, o consultor observa o posicionamento de estrelas que influenciam a saúde, a harmonia e as oportunidades dos moradores.

Já a água tem a capacidade de reter ou conduzir energias. Quando se concentra em algum ponto do imóvel (cisterna, caixa d’água, piscina ou poço) o consultor deve verificar quais estrelas estão naquela área e quais são seus efeitos, pois estes serão aumentados devido a esta concentração de água.

Para que se possa fazer uma análise correta e profunda de um imóvel, é necessário ter uma formação tradicional, envolvendo os fundamentos e técnicas do Feng Shui, noções de utilização correta da bússola e do calendário taoísta, além de um conhecimento consistente do Yi Jing (I Ching), que é a raiz filosófica de todas as artes taoístas.

Existem várias escolas de Feng Shui. As escolas tradicionais mais importantes e significativas são as escolas Ba Zhai (Oito Palácios) e Fei Xing (Estrelas Voadoras), ambas ensinadas na Sociedade Taoísta do Brasil.

O estudo do Feng Shuí é destinado a arquitetos, engenheiros, decoradores e todas as pessoas que se interessem por um conhecimento tradicional e profundo da cultura originada nos antigos mestres do Taoísmo.

Formação em Feng Shui

A formação oferecida na Sociedade Taoísta do Brasil contempla as principais escolas tradicionais de Feng Shui, além do estudo do Yi Jing (I Ching) como base filosófica. A formação em Feng Shui da STB é composta pelos seguintes cursos:

  • Fundamentos de Feng Shui
  • Oito Residencias – Ba Zhai
  • Estrelas Voadoras – Xuán Kōng Fēi Xīng

Além disso, a formação em Feng Shui tem como complemento filosófico o estudo básico do Yi Jing (I Ching), composta pelos seguintes cursos:

  • Fundamentos
  • Hexagramas

Veja nosso quadro de cursos completo.

Para mais informações, entre em contato conosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *