Dicas

By Rafael • • 11 dez 2012

Lysia Baginski Arquiteta e consultora de Feng Shui

Uma boa formação de Feng Shui demanda tempo e dedicação. Não esqueça que tanto um imóvel quanto uma pessoa devem ter todo o conjunto avaliado. Se você não pode contratar um bom consultor, aqui vão algumas dicas básicas.

  • Uma casa deve estar sempre muito limpa e arrumada.
  • Excessos de móveis e objetos devem ser evitados. Assim, peças fora de uso ou quebradas, e entulhos devem se retirados para que a energia possa circular.
  • Entrar pela porta principal é o mais recomendado e esta não deve estar alinhada nem com a porta de serviço nem com a porta do vizinho. A entrada deve ser ampla e iluminada.
  • O centro da casa deve estar vazio e iluminado. O ideal é que esteja numa área social, como sala de estar, e nunca no banheiro.
  • As melhores formas para salas e quartos são as quadradas e as retangulares. Ambientes redondos e com muitos ângulos devem ser evitados.
  • Os revestimentos internos das paredes e tetos devem ser o mais “liso” possível.
  • Nos quartos não devem ser colocados aparelhos eletro-eletrônicos próximos das camas, pois as ondas que emitem podem causar alteração no campo magnético, interferindo no sono dos moradores.
  • O ideal é que os quartos não sejam próximos da cozinha nem de banheiros.
  • A cortina ideal para um quarto é aquela de tecido liso e com blecaute para que o nível de iluminação seja sempre o mesmo. Persianas não são recomendadas.
  • Sempre que possível, uma cama deve ter cabeceira. Não deve estar encostada em parede que tenha instalações elétricas/hidráulicas ou sob uma janela, ser posicionada sob viga exposta ou na frente de espelhos, nem ser embutida em armários ou do tipo beliche. Embaixo da cama não devem ser colocados objetos (gavetões, livros, sapatos, etc).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *