Fu Fa

By Rafael • • 11 dez 2012

A prática espiritual do Fu Fá, realizada pelos Sacerdotes Taoístas, utiliza o incenso e a energia para proporcionar proteção e harmonia.

Rufino Almeida Sacerdote Taoísta

Jornal Tao do Taoísmo – n. 12 índice

FU significa correspondência, união e FA é a lei, que rege todo o Universo; ou seja, ‘Fu Fa’ é a prática da Lei que se corresponde com as forças da natureza.

Na prática do ‘Fu’, tal correspondência é obtida através de selos e símbolos mágicos, em forma de desenhos e ideogramas feitos de maneira expressiva e artística, que reproduzem símbolos correspondentes a uma ou mais Divindades. A cada Divindade são associadas determinadas funções. Essa técnica é tipicamente taoísta.

Existem várias técnicas para a prática do ‘Fu’ e a utilizada nas nossas sessões de ‘Fu Fa’ é a da escrita feita no vazio, usando a concentração e colocando o desenho dentro da pessoa, formando com as mãos gestos na forma do ‘jie’ (mudra) da espada e incensos ou ‘Pincéis de Fogo’.

No ‘Fa’, que é a lei do microcosmo e macrocosmo, existem também as regras, os princípios e o ritmo da natureza, dentro de um padrão cósmico. A Lei é a utilização e manipulação dessas forças da natureza e do cosmos. Para praticá-la, não basta só entendê-la, mas estar de acordo com ela. Como no ‘Fa’ se trabalha com Divindades luminosas, a prática só será correspondida se estivermos com muita retidão e sintonizados com a Lei.

O ‘Fu Fa’ realizado na Sociedade Taoísta do Brasil trabalha com o que chama-mos de A Grande Lei, isto é, com a hierarquia teológica das Divindades luminosas. No caso desta prática ritualística, é invocada a Divindade “Do Mu”, Mãe das Constelações, do Destino e que atua em duas frentes: proteção (contra os males e desastres) e cura.

Nesse ritual, utiliza-se o método da invocação da Divindade através de mantras e de gestos manuais (jie’s), que trazem a força da Divindade de fora para o interior do praticante. Eles desenvolvem uma grande força, que funciona como um canal e é transmitida para a pessoa que está sendo assistida, proporcionando mais harmonia, energia e proteção. Esta é a finalidade do ‘Fu Fa’.

Nessa prática, o mantra é muito importante, pois trabalha no nível psíquico, cármico e até físico e, no caso específico do Ritual da ‘Do Mu’, o mantra é recitado numa linguagem celestial, que não tem tradução e foi trazida de outras dimensões, por grandes Mestres.

Concluindo, nunca é demais lembrar que todo o trabalho com a Lei significa uma prática de serviço de doação, pois todo sacerdote taoísta da Lei é chamado de Servidor do Tao.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *