Reflexologia

By Rafael • • 11 dez 2012

Ashbel de Stutz Professor de Tui Na e Shiatsu Sociedade Taoísta do Brasil

Acredita-se que uma das primeiras técnicas terapêuticas que surgiu foi a massagem. Diz-se que quando o homem primitivo, ao dar uma “topada”, levou sua mão ao local da dor, massageando o local e assim sentindo algum alivio. Milhares de anos se passaram desde então e os diversos povos que habitaram este planeta, desenvolveram varias técnicas de massagem.

Existem algumas partes do corpo que já foram bastante estudadas e “mapeadas”. Chamamos este estudo de REFLEXOLOGIA. Algumas áreas reflexológicas são usadas apenas para avaliação, é o caso, por exemplo, da língua e da íris. Outras áreas reflexológicas são usadas para tanto avaliação quanto para tratamento, temos aqui, por exemplo, a orelha, a coluna, o crânio, as mãos e os pés.

Existem vários livros que tratam deste assunto e descrevem com maior detalhe como uma boa avaliação e usar terapeuticamente cada mapa reflexológico.

Você pode e deve massagear seus pés, reconhecendo nele cada parte de seu corpo, reflexologicamente falando. Pode sentir algum desconforto ao tocar algum lugar e verificar a que parte do corpo corresponde, ou massagear propriamente dita uma região do pé, por exemplo, a coluna, para provocar alívio a alguma dor na coluna propriamente dita.

Esta automassagem é uma prática essencialmente preventiva e pode ser feita diariamente. A seguir algumas sugestões para sua prática:

  • Você deve sentar-se confortavelmente, no chão ou em uma cadeira.
  • Afaste os artelhos lateralmente e faça movimentos circulares, nos dois sentidos.
  • Pegue cada artelho e faça movimentos circulares, nos dois sentidos.
  • Torça os artelhos, um a um, para ambos os lados e puxe pela ponta.
  • Deslize as mãos vigorosamente na planta dos pés.
  • Dê soquinhos com a mão fechada na planta dos pés.
  • Pressione com os dedos das mãos profundamente toda a planta dos pés.

Com esta prática regular estimulamos o fluxo de energia e incentivamos nossas funções orgânicas.

Harmonize-se e tenha boa saúde!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *