«

»

Maio 31

Quais as lições desta pandemia?

Dramática e avassaladora, traiçoeira e impiedosa… A pandemia da COVID19 já está consolidada como uma das maiores crises na história da humanidade, em todos os tempos.

Silenciosa ao se alastrar, retumbante na sua devastação, a doença deixa, por onde passa, um rastro de dores profundas, pelas perdas irreparáveis que provoca… Renova as cenas de horror a cada hoje, criando cenários de tremendas incertezas para o amanhã.

Sabemos que tudo isso, mais à frente, vai passar. Vai passar e a humanidade seguirá…

Mas confesso que, para mim, não faz sentido simplesmente passarmos por um evento tão traumático, sem refletirmos sobre as razões de pagarmos este preço exorbitante, de tantas e tão caras perdas. Não faz sentido passar por tudo isso, sem despertar para algo, sem rever os caminhos que nos trouxeram até aqui, sem transformarmos algo na nossa vida em sociedade.

Com o coração em profunda consternação, fiz uma consulta ao oráculo do I Ching, indagando “quais os principais aprendizados que devemos extrair desta pandemia?”

Entendendo que a sabedoria da resposta revelada pelo Oráculo deveria ser compartilhada e ecoada para quantos forem possíveis atingir, escolhi divulgá-la em uma apresentação ao vivo, que permanecerá aberta posteriormente para quem quiser acessá-la.

Esta apresentação acontecerá hoje, dia 31 de Maio, às 20h, ao vivo, no canal Segredo dos Mestres, no YouTube.

Transmitiremos simultaneamente na nossa plataforma Taoismo Online, na área de palestras “O Tao de cada dia”.

Além disso, também redigi um texto, sintetizando a interpretação da resposta do Oráculo. Este material será disponibilizado gratuitamente na forma de um pequeno ebook.

Estendo este convite a quem tiver interesse, esteja ou não inscrito na nossa plataforma Taoismo Online.

Se conhecer alguém que tenha interesse em refletir conosco sobre este tema, peço a gentileza de encaminhar esta mensagem.

Abaixo seguem os links para o acesso de sua preferência:

Tenha a certeza de que compartilharemos momentos preciosos nesta ocasião.

Ajustando a minha saudação usual…

Consciência e solidariedade!

Wagner Canalonga

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of