Tai Chi Chuan

O Tai Chi Chuan (Tai Ji Quan) foi criado originalmente como um método de auto defesa por sacerdotes taoístas por volta do século XII. É um conjunto de movimentos lentos, encadeados, circulares e espiralados, associados a uma respiração profunda, suave e ritmada, que trabalha de forma integrada à manutenção da harmonia física, mental e emocional do homem – um trabalho realizado a nível energético e fundamentado nos conceitos e técnicas da alquimia interior taoísta.

Objetivos

Seu objetivo é buscar a união da força com a suavidade, do corpo com o espírito e promover a interação do homem com a natureza. Seus princípios são: encontrar o eixo, buscar a união dos opostos, esvaziar a mente sem pensar em nada, usar energia em lugar da pura força física, fazer do movimento um meio de transmutação.

Tai Chi é o estado que supera as polaridades yin e yang, que contém dentro de si as duas polaridades. E Chuan é agilidade, rapidez, flexibilidade, punho. Assim, o estado Tai Chi refere-se a uma unidade, que contém dentro de si as duas polaridades em perfeito equilíbrio. É a unidade que traz em si a dualidade.

O Tai Chi Chuan é uma das artes tradicionais taoístas mais reverenciadas pela cultura e Medicina Chinesa. Basicamente divide-se em duas vertentes: marcial e terapêutica. Como proposta terapêutica, é a mais difundida terapia corporal da China, propiciando a seus praticantes saúde e longevidade.

Através dos movimentos de expansão e recolhimento, o Tai Chi Chuan restaura a harmonia e o equilíbrio nos níveis físico, mental e emocional, proporcionando bem-estar para o corpo e para a mente. Praticado por pessoas de todas as idades, homens e mulheres, o Tai Chi Chuan desperta e nutre a vitalidade e promove um estado de maior serenidade e adaptabilidade às diversas circunstâncias da vida.

Aulas de Tai Chi Chuan – Estilo Yang

Abordagem dos princípios e fundamentos que norteiam a arte do Tai Ji Quan para a saúde global do nosso corpo. A metodologia a ser aplicada será através de séries de movimentos isolados do Tai Ji Quan, com a intenção de desenvolver sequências mais longas do estilo Yang.

Vamos explorar e aprimorar: a percepção corporal, a coordenação, o caminho energético, a concentração, a respiração, a meditação ativa, a harmonia no movimento para atingir o trabalho interno e o efeito terapêutico.

O Tai Chi Chuan pode ser praticado por pessoas de qualquer idade. É considerado uma aeróbica de baixo impacto, sem riscos de lesões e sem contra indicações.


Eliete Ramos: Educadora Corporal 

  • CREF 7503P/SP – desde 1972.
  • Aprofundou  os estudos na China, Hong Kong, Seatlle (EUA) e França.
  • Terapeuta em TuiNa e Professora de práticas corporais da Medicina Tradicional Chinesa, como: Tai Ji Quan Yang (mãos livres, sabre, espada, leque e bastão), Dao Yin, Qi Gong e Lian Gong em 18 Terapias.
  • Membro e Instrutora da Associação Brasileira de Lian Gong em 18 Terapias, representante da Shangai Municipal Shi Ba FaAssociation/China. Participou da competição na China em 1998. Ministra cursos de formação, supervisão, aulas regulares e palestras há mais de 25 anos.
  • Membro da  International  Yang Style Tai Chi Chuan nº 005504156.
  • Associa em todas as práticas as técnicas dos “Recursos Terapêuticos para Disfunções de Origem Postural e/ou associados as quadros Psico-Motores Específicos – Método GDS”.

Terças-feiras, das 9h às 10h15 – através do zoom.

Informações e inscrições:

(011) 99631-3005 – whatsapp